Envie esta página a um amigo!

quarta-feira, 13 de setembro de 2017

0

O teu FLAMES num ano


2016 foi um ano repleto de surpresas. Por ter sido um ano fora do comum, acreditamos que ainda vamos ouvir falar nele bastante em 2017. No FLAMES queremos fazer o mesmo. De um ano que tanta gente apelidou de um dos piores na história da humanidade, nós queremos retirar o que de melhor houve. Assim nasce a rubrica "O teu FLAMES num ano"


Rita Martinho
2016

Página facebook: https://www.facebook.com/mundodesonhoss/

Canal Youtube: https://www.youtube.com/channel/UC1vlOMvolyPmIPHHxL8weuQ

Filmes: Quem me conhece sabe que não vejo muitos filmes, porém 2016 esteve recheado de filmes maravilhosos e eu não consegui restir-lhes. 

Menciono o À procura de Dory, eu esperei anos e anos por este filme e não me desiludiu em nada! 

A casa da senhora Peregrine para crianças peculiares, a adaptação do primeiro livro da trilogia, Tim Burton fez um excelente trabalho e eu não estava à espera de menos! 

A rapariga no comboio que veio dar ainda mais relevo ao livro, a Emily Blunt surpreendeu-me muito com a sua interpretação da Rachel, via-se nos seus olhos que estava completamente perdida. Só não gostei muito das cenas de sexo, não me lembro de no livro ter assim tantas. 

Por fim, como fã de Star Wars que sou, não podia esquecer o Rogue One: Uma história de Star Wars, foi a minha primeira experiência com IMAX, não poderia ter corrido melhor! Um filme cheio de ação , pensado de propósito para os fãs ,pois se não tivermos visto todos os que estão para trás não conseguiremos compreender este no seu todo. O filme trouxe também mais uma heroína super forte: A Jyn , quem lhe deu vida foi a atriz Felicity Jones e o seu trabalho foi incrível! 

Livros: Sou terrível nesta parte, principalmente este ano, pois não dei 2 estrelas a um único livro! Vou mencionar duas séries de livros que me espantaram completamente, foram as que mencionei mais no canal ao longo de 2016: Percy Jackson e os Olimpianos e Os heróis do Olimpo. Costumo dizer que a segunda é uma série de spin offs, pois convém lerem-na só depois da primeira, senão não compreenderão grande coisa. 

Muitas pessoas diziam que era parecido com HP mas eu não vi nada disso, exceto a idade das personagens, as descobertas que são feitas no início e o facto de ambos serem livros de fantasia. Aconselho esta série a todos aqueles que gostam de mitologia, tanto grega como romana, é uma excelente maneira de aprender mais enquanto estamos a disfrutar de uma leitura mesmo muito descontraída, como os livros são para um público mais jovem os livros são bastante acessíveis e super engraçados, mas mesmo assim deixam-nos de boca aberta com alguns acontecimentos. O melhor de tudo isto é criarmos relações com as personagens ao longo dos livros, desta maneira o seu crescimento é nitidamente observado. 

Animes

Mangas

Eventos, espetáculos e/ou entretenimento: O concerto dos Myname em Lisboa, um grupo de Kpop. Foi o primeiro concerto ao qual eu fui, super bem acompanhada por algumas meninas do YouTube. Como alguns sabem o Kpop ainda não é muito aceite em Portugal, não houveram muitos concertos ainda, por isso os grupos que cá vêm devem ser apoiados. Gostei imenso de ver as danças do grupo, vê-se mesmo que os Coreanos dão mais atenção a esse pormenor que os outros cantores. Disseram coisas lindas sobre nós e Lisboa o que nos deixou a todas super felizes (e com lágrimas nos olhos). 

Séries: Quanto a séries, não vejo séries Americanas há imenso tempo, dediquei-me aos Doramas, que são séries Coreanas, Chinesas, Japonesas ou Tailandesas. 

Por isso nesta secção mencionarei dois doramas coreanos que amei do fundo do meu coração. 

Cheese in the trap, traz até nós toda a pressão pelo qual um Universitário passa, desde as noitadas que passa a estudar, o facto de terem todos zero num trabalho graças a um colega, até ás guerras interiores, o crescimento como pessoa, a indecisão sobre o futuro. E claro, amor, mas como sabemos o amor e o ódio andam de mãos dadas e aqui não será excessão. Se tivesse de usar uma frase para descrever esta série seria: Uma doce montanha russa de emoções. Menciono também que a atriz principal (Hong Seol) tem um estilo super idêntico ao meu, talvez por isso tenha adorado ainda mais a série. 

A segunda série é Page Turner e é super curta, segue a vida de três adolescentes super promissores que acabaram de perder aquilo que era mais importante para eles. Esta é uma história de superação, em que os sonhos estão ao nosso alcance, só precisamos de colocar todo o nosso coração, crença e força e conseguiremos alcança-los!

Partilha no Facebook, Twitter ou Google Buzz:
Partilha no teu Facebook Partilha no teu Twitter Pubblica noGoogle Buzz

0 Opiniões:

Enviar um comentário

Obrigada por ter passado pelo nosso Blog e por comentar! A equipa do FLAMES agradece ;)

Ocorreu um erro neste dispositivo

1%

1%