Envie esta página a um amigo!

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

0

Livro: Contos de terror e arrepios


Histórias:  - O espectro da Morte;
                        - O convidado de Drácula;
         - A casa do Juíz
- A Índia
Ano de edição: 2010
Género: Terror, Suspense
Autor: Bram Stoker

Se, como nós, são fãs de histórias de pôr os cabelos em pé, daquelas histórias que vos fazem sentir crianças novamente e ter medo de dormir sozinhos na noite em que terminaram o livro, então....não devem ler este livro! Das quatro histórias aqui apresentadas, nenhuma, mas absolutamente nenhuma cumpriu aquilo a que se propôs: assustar. Mas o problema deste livro não se fica pela falta de elementos assustadores nas suas histórias, aliás, o principal problema é bem diferente: as histórias não têm qualquer interesse! São aquilo a que chamamos "captadores de bocejos", já que aquilo que não faltou durante a leitura deste livro foram os bocejos provocados pelo imenso tédio resultante da nossa "teimosia" em ler sempre os livros até ao fim. Neste caso, a teimosia saiu-nos cara e arrependemo-nos tremendamente do tempo desperdiçado nesta leitura.
Aqui fica o nosso aviso para vos poupar desta desilusão...

Boas leituras!

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

3

POST PALS

O Post Pals não se insere em nenhuma das categorias do nosso blog, mas devido à natureza da iniciativa, não podíamos ficar indiferentes. Postar algo sobre este site é para nós uma honra, mas também, a nosso ver, um dever!

O conceito é muito simples e absolutamente GENIAL.

No site

encontra-se uma lista de rapazes/raparigas, meninos e meninas com doenças (algumas terminais, outras crónicas). Se decidir aderir ao site, só tem 5 passos a fazer:

1. Clicar na foto de uma criança

2. Se quiser, ler a sua página (cada criança tem uma página associada a si)

3. Escrever uma carta, postal, e-mail, assinar o guestbok da criança, ou mesmo enviar uma prenda à criança que escolheu. Basta enviar estas coisas para as moradas que encontrará na página da criança. Como é óbvio, a morada que irá encontrar no site não é a da casa da criança, mas são moradas criadas de propósito para o efeito. Ah, e não espere nenhuma resposta, estas crianças podem não ter tempo ou meios para o fazer.

4. Sente-se e saiba que uma criança está a sorrir graças a SI! :)

Por isso, depois de ler este post, não perca tempo, aceda ao site, e faça uma criança sorrir, nem que seja com um simples e-mail!

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

6

Parabéns Roberta!!

Para a grande maioria hoje é um dia igual a tantos outros, mas para o FLAMES hoje é um dia SUPER especial. Porquê? Porque faz hoje X anos (a idade de uma senhora nunca se diz!! hehe) que a Roberta nasceu!
Por isso, quero desejar MUITOS PARABÉNS à melhor "sócia" do mundo, esperando que esta tenha um óptimo dia. E já agora, convém que os outros dias também sejam todos óptimos :)

                               (Confesso que o meu sentido de humor está um pouco negro hoje... hehe)

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

0

Série: Hidden Palms


Série: Hidden Palms

Ano: 2007
Episódios: 8
Temporadas: 1
Director: Kevin Williamson

Actores:
Michael Cassidy ... Cliff Wiatt
Taylor Handley ... Johnny Miller
Amber Heard ... Greta Matthews
Sharon Lawrence ... Tess Wiatt
D.W. Moffett ... Bob Hardy
Gail O'Grady ... Karen Hardy


Esta mini-série deixou-nos agradavelmente surpreendidas. Não a podemos considerar das melhores séries que já vimos, mas realmente deixou-nos de boca aberta e agarradas ao ecrâ até ao final (que é um pouco desapontante). O número de epidódios reduzido foi, também, algo que nos chamou à atenção, e que nos fez decidir vê-la.

Johnny é a personagem principal, que assiste ao pai a suicidar-se. Após esse episódio a mãe (e o novo companheiro) decidem mudar-se para Hidden Palms, uma zona de pessoas muito ricas, e muito estranhas. Na casa onde vão morar, recentemente, suicidou-se o rapaz (que morava no quarto onde Johnny agora vive). Mas terá sido suicídio? É que uma serie de eventos faz Johnny pensar que, talvez, não tenha sido assim...

Este mistério e suspense encontram-se envolvidos numa atmosféria utópica, de pessoas que nunca fazem nada se não ir à piscina e beber copos à noite. No final de cada episódio, acontece sempre algo que nos faz querer ver o próximo, criando a tal atmosfera e vontade de ver sempre o que vai acontecer. Por ser curta, aconselhamos o seu visionamento a quem gosta de séries de suspense.



quinta-feira, 15 de setembro de 2011

4

Filme: Capitão América - O primeiro vingador




Título Original: Captain America - The first avenger
Ano: 2011
Género: Acção, Ficção Científica
Realizador: Joe Johnston



Na nossa última visita ao cinema tal era a vontade de ver um filme que, na falta de uma oferta apelativa, lá acabámos por ver um filme que não faz muito o nosso género, o "Capitão América".

A história decorre no ano de 1942, numa altura em que para qualquer jovem rapaz americano viajar para a Europa e combater as tropas nazis é muito mais do que uma obrigação, trata-se de uma questão de honra e cumprimento do dever. Contudo, o nosso protagonista, o jovem Steve Rogers, nunca conseguiu ser admitido para o exército graças à sua frágil saúde e corpo franzino. Desta forma, quando o cientísta Dr. Erksine o convida para ser uma cobaia numa investigação levada a cabo pelo governo americano, a fim de criar um exército de homens invencíveis, Steve não pensa duas vezes e aceita de imediato.
O grande dia chega e a experiência é um sucesso....contudo, algo corre mal e o cientísta responsável pela criação do temível exército acaba por morrer, deixando Steve como o único soldado com capacidades físicas incríveis.
É assim, que surge o Capitão América, o primeiro super-herói que o mundo alguma vez viu. Ao lado de um bravo grupo de soldados, este super-herói tudo fará para combater um dos piores inimigos que o mundo alguma vez viu...

Se tivessemos que escolher uma palavra para descrever este filme essa seria: cliché. Se compararmos o "Capitão América" com outros filmes de super-heróis norte-americanos notamos imensas semelhanças na forma como a trama se desenrola, demasiadas semelhanças até! Não faltaram as fantásticas explosões, as cenas de luta entusiasmantes nem o inevitável romance com a "menina bonita" do filme... quase que podíamos adivinhar o que iria acontecer na cena seguinte ao longo de praticamente todo o filme.
Por isso, aconselhamos este filme apenas aos fãs deste género de cinema e não a quem esteja à espera de ver uma história surpreendente e imprevisível.

Fiquem com o trailer:

domingo, 11 de setembro de 2011

7

7º PASSATEMPO DO FLAMES!


quinta-feira, 8 de setembro de 2011

2

Filme: Perfume - História de um assassino




Tìtulo Original: Perfume - The story of a murderer
Ano: 2006
Género: Suspense
Realizador: Tom Tykwer


Regra geral, o livro é sempre melhor que o filme. Aliás, a maioria dos filmes baseados em livros costuma deixar uma indesejada sensação de desilusão para quem leu o livro e espera encontrar nas telas de cinema uma história digna de ter o mesmo nome da obra que lhe deu origem. Contudo, há sempre uma excepção para todas as regras e o filme “O Perfume – História de um assassino” é uma delas!

Já falámos há algum tempo atrás do livro "O Perfume", mas para quem ainda não conhece esta história, voltamos a fazer um breve resumo: a acção decorre no século XVIII, em França, onde encontramos Grenouille. Este jovem em tudo se assemelha aos demais habitantes da cidade não fosse o extraordinário dom que possui: consegue cheirar, discriminar e descrever com extrema precisão todos os odores que o rodeiam. E é precisamente essa capacidade ímpar que acaba por transformar Grenouille num assassino quando este se convence que pode criar o melhor perfume alguma vez feito se roubar o odor de jovens e indefesas virgens...

Não vamos tão longe ao ponto de dizer que o filme é melhor que o livro, estão ambos no mesmo patamar de qualidade, sendo que este filme retrata com uma grande exactidão a história descrita no livro. Esta é, sem dúvida alguma, uma das melhores adaptações que alguma vez vimos e não conhecemos nenhum fã do livro que não tenha ficado maravilhado com o filme.
Desde o desempenho do protagonista (Ben Whishaw) até à fantástica recriação de uma França de outros tempos, não há um único aspecto do filme que alteraríamos. 
Por tudo isto, aconselhamos todos os fãs da obra literária a verem o filme se ainda não o fizeram. Quem nunca leu o livro (nem pretende fazê-lo) mas quer conhecer melhor esta história, certamente que também se divertirá ao ver apenas o filme. Contudo, não há nada como fazer as duas coisas !!

Fiquem com o trailer:


segunda-feira, 5 de setembro de 2011

3

Filme: Up in the air

Género: Drama, Romance
País: U.S.A
Língua: Inglês
Data de estreia em Portugal: 21 de Janeiro de 2010
Duração: 109 minutos

Cast:
George Clooney - Ryan Bingham
Vera Farmiga - Alex Goran
Anna Kendrick - Natalie Keener
Jason Bateman - Craig Gregory


O filme Up in the air é uma boa comédia, não muito ligada ao estilo de comédia de Hollywood à qual possamos estar habituados (mas que vem sendo a pedra de toque dos filmes deste realizador).
De facto, Up in the air fala-nos de coisas interessantes e não se esforça apenas em fazer-nos rir, mas faz-nos pensar e reflectir em inúmeros aspectos sobre a vida (e nós próprios).

George Clooney interpreta o papel de Ryan Bingham, um homem cuja profissão é...despedir pessoas. Para tal, passa imenso tempo "up in the air", sempre a viajar pelos vários estados americanos. Numa destas viagens encontra Alex Goran, uma senhora que também viaja imenso e com a qual acaba por se relacionar. Conseguirão os dois envolver-se em algo mais? E o que irá acontecer quando uma nova trabalhadora decide alterar a política da empresa onde Ryan trabalha?

Este é um filme que, sem dúvida, aconselhamos, com a ressalva de que não é uma comédia a que estejamos habituado a ver, nem um romance digno de Hollywood.

Aqui fica o trailer:



Alguém já viu o filme? Deixem-nos a vossa opinião.

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

5

6º Passatempo do FLAMES




Mais um passatempo terminou e, finalmente, chegou a altura de anunciarmos os três vencedores que irão receber o conhecidíssimo livro, recentemente editado pela Editoral Bizâncio, "Os filhos da droga".
 Antes de mais, queremos agradecer a todos os que participaram e que contribuíram para que passatempos como este façam sentido. Aproveitamos, desde já, para avisar-vos que mais passatempos estão prestes a chegar, por isso...Estejam atentos!! 

Mas avancemos para aquilo que realmente interessa, os Vencedores!

As três "felizardas" que irão ganhar um exemplar do livro "Os filhos da droga" são:

- Lídia Dias;
- Diana Henriques;
- Be Unique Fashion.

Muitos parabéns e...boas leituras!!


Os Filhos da Droga - www.wook.pt
Ocorreu um erro neste dispositivo

1%

1%