Envie esta página a um amigo!

quinta-feira, 30 de junho de 2011

2

Série: Clínica Privada


 

Título Original: Private practice
Género: Drama, Romance
Ano Estreia: 2007
Nº Temporadas: 4
Criador: Shonda Rhimes

As séries que abordam o dia-a-dia num hospital e todos os dramas de quem lá trabalha e doentes que lá aparecem já são uma constantes nas nossas televisões há vários anos. E Clínica Privada não foge à regra.

Nesta série acompanhamos o dia-a-dia de um grupo de jovens médicos numa clínica privada: os casos difíceis com que têm de lidar a cada doente novo que aparece, os romances que surgem e que terminam entre os personagens, os dramas do passado que muitas vezes surgem para ensombrar os jovens especialistas, etc.

Clínica Privada conseguiu consquistar-nos a um ritmo muito lento: inicialmente não nos despertou qualquer interesse, pois pareceu-nos ser apenas "mais do mesmo". Mas, apesar de ser, de facto, "mais do mesmo", de certa forma começámos a afeiçoar-nos aos personagens e aos seus dilemas. Quando nos apercebemos já eramos fãs desta história!
Por isso, quem gosta de séries que retratem o dia-a-dia de médicos e doentes, sem caír no exagero que outras séries do mesmo género muitas vezes caem, deve dar uma "espreitadela" em Clínica Privada.

Fiquem com um pequeno trailer promocional:


segunda-feira, 27 de junho de 2011

4

Filme: The invention of Lying

The invention of Lying



Ano: 2009
Directors e Writers: Ricky Gervais & Matthew Robinson
Género: Comédia, Fantasia, Romance
Actores: Ricky Gervais - Mark Bellison
Jennifer Garner - Anna McDoogles
Jonah Hill - Frank
Louis C.K. - Greg
Jeffrey Tambor - Anthony
Edward Norton - Cop

Esta comédia é fantástica. Raramente gostamos de comédia (têm de ser mesmo muito boas) e esta é sem dúvida uma comédia excelente.
Nesta história seguimos a vida de Mark Bellison, um homem que está prestes a fazer algo de EXTRAORDINÁRIO... está prestes a mentir! Mentir???!?! E...? Isso é extraordinário? Claro que sim, porque Mark vive num mundo diferente... um mundo onde não se consegue mentir.
Esta é a parte mais interessante do filme, o fazer-nos ver como seria o mundo se todas as pessoas pudessem dizer apenas a verdade... e imaginem só o poder que uma pessoa que pode mentir, num mundo destes, não terá.
Para além do mais, este filme conta com a participação de imensos actores famosos e, as gargalhadas, acompanham-nos sempre!

Aconselhamos vivamente o visionamento deste filme, especialmente se estão a precisar de rir.




quinta-feira, 23 de junho de 2011

4

Série: Spartacus - Sangue e Arena



Título Original: Spartacus - Blood and Sand
Ano: 2010
Género: Drama, Acção, Histórico
Nº Episódios: 13
Realizador: Steven S. DeKnight



Se, tal como nós, são fãs de filmes como o Gladiador e se gostaram dos efeitos especiais do filme 300 esta é a série ideal para vocês!

A história, verídica, de Spartacus já foi retratada por diversas vezes em vários livros e filmes ao longo das últimas décadas.
Capturado pelos romanos e vendido como escravo, Spartacus acaba por se tornar num dos maiores gladiadores de todos os tempos, conquistando multidões a cada combate na arena. Contudo, o que o fez ficar na história foi a  revolução que liderou frente aos romanos, tornando-se, desta forma,  num dos maiores guerreiros de todos os tempos!!


Para nós, esta série é absolutamente fantástica pois tem tudo o que se poderia exigir de uma produção deste género: uma trama muito bem estruturada e cativante, cenas de luta soberbas, cenários fantásticos, um guarda-roupa espectacular e grandes desempenhos dos actores (com especial destaque para Andy Whitfield que dá a vida a Spartacus e a John Hannah que assume o papel de Batiatus).
Contudo, esta série não é aconselhável para menores de 18 anos e para pessoas mais sensíveis dado a elevada violência das lutas representadas e também pela presença de várias cenas de nudez explícita.
Concluindo: o grande sucesso da série noutros países fala por si mesmo, tendo já sido considerada uma produção pioneira e irreverente. 
Esta é uma série definitivamente a NÃO perder!!


Fiquem com o Trailer oficial da série:


segunda-feira, 20 de junho de 2011

1

Filme: The Fighter

Ano: 2010
Data de lançamento em Portugal: 10 Fevereiro 2011
Género: Drama
Realizador: David O. Russell

Cast:

Mark Wahlberg...Micky Ward
Christian Bale...Dicky Eklund
Amy Adams...Charlene Fleming
Melissa Leo...Alice Ward
Mickey O'Keefe...Himself
Jack McGee...George Ward

Este foi dos filmes que mais nos surpreendeu (pela positiva) nos últimos tempos. E também foi daqueles filmes que vimos apenas porque se encontrou envolvido nas últimas nomeações dos óscares.

O filme dá-nos a conhecer a história verídica do boxer Micky Warde e do seu irmão Dicky Eklund.

Está francamente positivo, divertido nas partes onde tem de o ser, sério nos momentos certos, e retrata uma história verídica (e quando tal acontece, confessamos que ficamos menos exigentes, uma vez que não podemos pedir ao realizador qualquer tipo de originalidade) ;) apesar de, claro, quando o filme não é fiel, nós ficamos um pouco de pé atrás.

Enfim, o filme recomenda-se, até porque Christian Bale está absolutamente fenomenal, e vale a pena ver o filme só pela sua interpretação.

Aqui fica o trailer:



Já viram o filme? Estão a pensar ver? Dêm-nos a vossa opinião!

quinta-feira, 16 de junho de 2011

2

BookClub



Quem nos segue com atenção por certo que já reparou numa nova e divertida actividade que o FLAMES propôs há poucas semanas atrás - o Bookclub!
Pois bem, depois das vossas fantásticas sugestões de livros e autores (desde livros sobre saúde até romances de Nicholas Sparks), já seleccionámos o primeiro livro que vos vamos propôr. A nossa decisão esteve assente nos seguintes critérios:

- Foi nomeado por vocês leitores do FLAMES;
- É um livro fácil de adquirir em Portugal;
- Das propostas feitas é dos mais baratos (conseguem comprá-lo por menos de 10 euros) - quem não conseguir mesmo arranjar o livro, entre em contacto connosco;
- Não é muito extenso, o que permite que TODOS participem, mesmo aqueles que ficam desencorajados perante verdadeiras "bibliotecas ambulantes".

Sem mais demoras, chegou a hora de anunciar o livro.
Este é.....

"As Terças com Morrie"



Já aqui falámos deste livro (para mais informações cliquem aqui). Mas como já passou algum tempo desde que o lemos, esta será uma óptima oportunidade para o revermos e discutirmos convosco.

Assim, vão até à Biblioteca mais próxima, peçam emprestado, comprem, visitem o site Winkingbooks (para adquiri-lo trocando-o por outros livros que tenham em casa e que já não precisem), vão ao Ebay...........façam qualquer coisa mesmo, mas participem (inscrevam-se enviando um e-mail para flamesmr@gmail.com ou neste próprio post dando-nos o vosso nome e endereço e-mail)!!

O prazo para todos terminarmos de ler o livro será o dia 4 de Agosto deste ano. Entretanto, SEMPRE que vos apetecer vir cá dizer algo sobre o livro, podem vir aqui opinar (deixem um comentário neste post)...ou então venham só no final discordar, elogiar, criticar, aconselhar...o que quiserem!! Este é o vosso espaço!
Para ser mais fácil chegarem a este post, basta verem em cima, por baixo do nosso banner (FLAMES - In FLAMES we trust) o nosso menu, e cliquem onde diz Boojclub. Serão redireccionados automaticamente para cá.



Boas leituras!

P.S. - Como este post terá, certamente, comentários sobre o livro...Aqui deixamos o nosso aviso...

PARTICIPANTES (as inscrições continuam abertas)

Cátia Almeida
Isabel Mateus
Mariana Oliveira
Roberta Frontini

domingo, 12 de junho de 2011

4

Livro: Poirot e Companhia


 


Título original: Problem at Pollensa Bay and other stories
Autora: Agatha Christie

Como podem ter visto pelo título original, tratam-se de contos inéditos. A verdade é que estas histórias andaram totalmente dispersas até 1991 altura em que foram, finalmente, reunidas num livro. Vejamos cada conto de forma sucinta:

Primeiro conto: O segundo Gongo 

Neste primeiro conto, Hercule Poirot é convidado pelo dono da casa (Hubert Lytcham Roche) para ir a sua casa. Mas Poirot não o chega a conhecer pois ao chegar lá descobre que este acabou de se suicidar... Mas Poirot mantém-se em casa para investigar o porquê... e se terá sido mesmo um suicídio!

Segundo conto: O íris amarelo

Neste livro, Poirot encontra-se sentadinho em casa, ao pé do seu aquecedor, quando recebe um telefonema de uma mulher desesperada a dizer "encontro-me no restaurante X, por favor venha... corro perigo, vai haver um homicídio". Mas quando Poirot se desloca ao dito restaurante, encontra um ambiente de festa entre as 5 personagens deste conto, e não parece que nada de grave irá acontecer... mas será que vai? E quem fez aquela chamada e porquê? 


Terceiro conto: O serviço de chá de Alequim

Mr. Satterthwaite vai a caminho de casa de amigos para tomar chá, quando o seu carro (novo e moderno) se avaria. Para se distrair, tenta pensar no que é que no caminho lhe chamara a atenção, uma palavra que o faz viajar atrás no tempo, nas suas memórias... na altura em que conhecera Mr. Quin, e nas saudades e vontade que tem em o rever...

Quarto conto: À beira do abismo

Joyce é uma viúva nova (29 anos). Vive numa casa alugada com o seu cão Terry e já deve 4 semanas de aluguer à sua senhoria. A vida não está fácil, e não consegue arranjar emprego, nem tem família do seu lado para a apoiar, apenas as tias do defunto marido que não sabem que este perdeu toda a fortuna no jogo antes de morrer... e Joyce parece preferir morrer de fome e ter uma vida desgraçada, a ter de contar a verdade aos familiares de Michael, de forma a honrar o seu bom nome!

Quinto conto: Magnólia em flor

Vincent Easton espera, na estação de combóios, que a sua amante Theo Darrell venha ter com ele para fugirem juntos para sempre... Mas é enquanto espera por ela que começa a pensar "será que eu confio realmente nela?", "fugirá ela comigo?"... Mas Theo aparece na estação, e juntos partem para uma viagem com um fim já "decidido" pelo destino. 

quinta-feira, 9 de junho de 2011

4

Entretenimento: O último a saír

Recentemente, fomos apanhadas de surpresa ao saber que a Rtp1 ia iniciar a transmissão de um novo reality show. O nosso entusiasmo não foi muito já que, nos últimos anos, reality shows têm sido uma constante em Portugal. Contudo, qual não foi o nosso espanto quando percebemos que este programa consistia numa sátira aos programas do mesmo género realizados até então.


O programa está repleto de figuras conhecidas em Portugal. Apresentado pelo actor Miguel Guilherme e com a participação do jornalista Luís Pereira de Sousa (conhecido pelos portugueses como o mítico jornalista do saudoso programa "Jogos Sem Fronteiras"), tem como participantes: Marco Borges, Bruno Nogueira, Batatinha, Damião, Filipa de Castro, Roberto Leal, Rui Unas, Luciana Abreu, Gorda, Gonçalo Waddington, Débora Monteiro, Sónia Balacó e Susana Mendes.
As aventuras que os concorrentas vivem na casa são verdadeiramente estapafúrdias e só as podemos definir como autênticas caricaturas das peripécias vividas por concorrentes de reality shows anteriores.
Apesar de alguns (poucos) participantes não terem muito jeito para a representação, todo o grupo conseguiu criar uma dinâmica engraçada e um clima divertido, no qual ninguém tem qualquer problema em utilizar os estereótipos de que foram alvo durante anos para criar uma divertida personagem (confessamos que, neste aspecto, o cantor Roberto Leal nos surpreendeu bastante pois ele seria a última pessoa que imaginaríamos a aceitar participar num programa desta género).
Se ainda não viram esta programa, podem fazê-lo todos os dias na rtp1 com os pequenos resumos diários que passam à noite ou, uma alternativa melhor, acompanhar tudo a par e passo no site do programa: http://www.rtp.pt/ultimoasair/index.php .



quarta-feira, 8 de junho de 2011

0

BOOK CLUB

domingo, 5 de junho de 2011

2

Livro: Azul Suai


Autor: Hernâni Carvalho (trata-se do seu primeiro romance)

Trata-se de um livro que comprámos na altura em que o autor foi dar uma palestra a uma escola. O livro é, sem dúvida, daqueles que recomendamos. Trata-se de um livro pequenino, de fácil leitura, interessante, mas com alguns "defeitos" (nada é perfeito certo?).

Antes de mais, a linguagem é muito crua e o livro tem muitas asneiras. Depois o livro tem um final muito rápido, e nem se percebe muito bem o que é que aconteceu... é quase como se levássemos um murro ao saber o final, estamos totalmente desprevenidos (bom, talvez o leitor que ler o livro depois de ter dado uma vista de olhos neste post já vai um bocadinho mais prevenido!). Por fim, destacamos algumas dificuldades em termos de temporalidade.

O livro, no entanto, tem uma história bastante interessante e faz-nos ficar a conhecer uma realidade que, apesar de temporalmente não se afastar muito de nós, se encontra especialmente longe (13 mil quilómetros)...

Trata-se, como o próprio autor admite, de uma história de Amor que a Guerra escondeu (Guerra de Timor). Neste livro acompanhamos 5 personagens, 5 visões da altura completamente diferentes mas, de certa forma, complementares.
É um livro dobre distância, saudade, destino, traição, guerra e Amor.

Recomendamos!

quinta-feira, 2 de junho de 2011

0

Filme: Cliente de risco


Título Original: The Lincoln lawyer
Ano: 2011
Género: Drama, Suspense
Realizador: Brad Furman

 
Os elevados preços que se praticam nos cinemas portugueses nos dias de hoje impedem-nos de lá ir com a frequência que gostaríamos, contudo, no passado fim-de-semana acabámos por fazer uma visita a uma sala de cinema para ver que filmes é que lá se encontravam. Perante um cartaz bastante pobre, acabámos por escolher um filme para nós desconhecido até à data: "Cliente de risco".

A história apresenta-nos Mick Haller, um experiente e eficaz advogado que usa todos os meios necessários para conseguir arranjar sempre as melhores soluções para os seus clientes. Contudo, a sua vida sofre uma grande reviravolta quando aceita defender Louis Roulet, um jovem de uma família bastante rica e poderosa, que é acusado de tentativa de homicídio de uma jovem prostituta. As coisas começam a complicar-se quando Haller se apercebe que o seu cliente não só pode ser culpado do crime de que o acusam como também poderá já ter cometido outros homícidios no passado. Desta forma, o advogado inicia uma investigação para tantar apurar todos os factos, mesmo estando consciente de que a sua vida bem como a da sua família poderão estar em perigo.

Apesar da nossa relativa falta de entusiasmo quando escolhemos ver este filme, confessamos que gostámos bastante. Longe de ser uma história cheia de acção, o que não faria muito sentido num filme deste tipo, ficámos presas ao ecrâ do início ao fim. A forma como a história se desenvolve leva-nos a criar teorias que a determinada altura podem caír completamente por terra dando lugar a novas teorias. Assim, o espectador fica até ao fim na expectativa acerca de qual poderá ser o verdadeiro desenlace desta história. Este é um filme que aconselhamos a qualquer amante de uma boa história de advogados sem que, contudo, se justifique a ida ao cinema já que se pode perfeitamente acompanhar esta história em casa dada a ausência de imagens e efeitos que justifiquem a tela gigante do cinema.

Fiquem com o trailer:


Bons filmes!!

quarta-feira, 1 de junho de 2011

6

BOOK CLUB ou FILM CLUB ?

 
O FLAMES está a pensar abrir um BOOK CLUB ou um FILM CLUB
O conceito é o seguinte: 1 página por dia! 
Escolhemos um livro, todos lemos, e depois vamos ao post comentar e dar as nossas opiniões. 
QUEM gostaria de participar? Precisamos de saber se há pessoas suficientes interessadas. O próximo passo será perguntar-vos que livro gostariam de ler. Mas antes, então, ESTARIAM DISPOSTOS A PARTICIPAR?
É uma forma de meter as pessoas a ler... e incentivar a, por exemplo, irem a uma Biblioteca ler o livro =) o que acham?
Ocorreu um erro neste dispositivo

1%

1%