Envie esta página a um amigo!

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

8

Evento: ÓSCARES 2011

Contrariamente ao ano passado, as nossas expectativas não só eram altas como foram, maioritariamente, atendidas...Aqui ficam os vencedores e as nossas opiniões:

Melhor Filme:

O DISCURSO DO REI


Ficamos ainda na dúvida se merece ser considerado o melhor filme do ano, no entanto se os compararmos com os outros nomeados, talvez não tenha sido uma má escolha. No entanto, Black Swan talvez merecesse mais, especialmente pela originalidade do tema e inovação. 

Melhor Realização:

TOM HOOPER (O Discurso do Rei)

Melhor Actor 

 COLIN FIRTH




Foi um momento mágico vê-lo subir as escadinhas para receber a estatuinha de ouro. Colin Firth é dos nossos actores favoritos. Seguimos a sua carreira desde que se transformou em Mr. Darcy no filme Orgulho e Preconceito. Já o ano passado Colin merecia ter levado para casa o prémio, no entanto este ano levou-o mesmo, e nós ficamos mesmo MUITO contentes!

 

Melhor Actriz:

NATALIE PORTMAN

 

O discurso de Natalie Portman quando recebeu o prémio foi, talvez, aquele que mais gostámos, pela genuinidade e simplicidade. Ficámos bastante emocionadas e contentes. O seu papel não era fácil, e Natalie acabou por ser recompensada pelo trabalho que teve. Estamos realmente contentes :)

AH, e parabéns aos leitores do Flames que realmente acertaram na sondagem! :)


Melhor Actor Secundário:

CHRISTIAN BALE

 

Melhor Actriz Secundária:

MELISSA LEO


Melhor Filme Estrangeiro:

IN A BETTER WORLD

Melhor Filme de Animação: 

TOY STORY 3

Mais um dos filmes que vimos e que achamos que realmente merecia :) Apesar de, pessoalmente, continuarmos a achar que o filme podia ter tido um final "melhor", este filme fez-nos chorar e rir...e mereceu ter levado a estátua para casa ;)

Melhor Argumento Original:

David Seidler (O Discurso do Rei)

 

Melhor Argumento Adaptado:

Aaron Sorkin (A Rede Social)

 

Melhor Fotografia:

A Origem

 poster

Melhor Direcção Artística:

Alice no País das Maravilhas

poster

 

 Melhor Guarda-roupa 

Alice no País das Maravilhas 

poster

 

Melhor Som 

 A Origem

poster

 


Melhor Montagem  

A Rede Social

poster



Melhores Efeitos Visuais  

A Origem

poster



Melhores Efeitos Sonoros 

 A Origem

poster

Melhor Caracterização  

O Lobisomem

poster


 



Melhor Documentário  

Inside Job - A Verdade da Crise

poster

Melhor curta-metragem documental

Strangers no More

Melhor curta-metragem

God of Love

Melhor curta-metragem de animação

The Lost Thing

Melhor Canção Original

"We Belong Together"
Randy Newman (Toy Story 3)

poster


Melhor Orquestração 

A Rede Social

poster

 



sábado, 26 de fevereiro de 2011

3

Resultados Sondagem:



Os leitores do FLAMES já votaram em que acham que vai ganhar o Óscar de melhor actriz principal e o de melhor actor principal. Aqui ficam os resultados.
Melhor actriz principal:

 84% votou em Natalie Portman

 8% votou em Michelle Williams

e 8% em Nicole Kidman


Melhor actor principal: 

60% votou em Colin Firth


30% votou em Javier Barden

e 10% em James Franco


Quem vencerá? Continuem a dar os vossos palpites através dos comentários, e vamos esperar pelos resultados de amanhã :)

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

2

Entretenimento: Conan



Se há algo pelo qual os E.U.A. são conhecidos é pelos vários talkshows que produzem todos os anos. A variedade é enorme e enquanto uns surgem para rapidamente desaparecer outros duram décadas.
Gostamos de alguns destes talkshows mas temos um que, na área do humor, se destaca sobremaneira de todos os outros, o talkshow “Conan”. Apresentado por Conan O’Brien, este talkshow surgiu em finais do ano passado. Mas se há coisa que não falta ao seu apresentador é experiência. Conan O’Brien celebrizou-se ao dar a cara como apresentador do famoso talkshow “Late night” durante vários anos. No entanto, alguns imprevistos mantiveram-no afastado dos ecrãs durante cerca de 1 ano até que voltou, e desta vez melhor do que nunca!
Aquilo que mais gostamos em “Conan” é o excelente trabalho de equipa que todos os que contribuem para o programa cultivam. Desde guionistas, actores, músicos e apresentador, todos trabalham de uma forma perfeita. Mas o verdadeiro segredo do programa assenta no seu fantástico apresentador que é das pessoas com o sentido de humor mais apurado e inteligente que alguma vez vimos e com uma capacidade de improvisação realmente impressionante!
Em cada emissão do programa temos a oportunidade de assistir a um hilariante monólogo de Conan O’Brien, a duas entrevistas de celebridades convidadas (durante as quais partilham com os espectadores episódios hilariantes e caricatos do seu dia-a-dia) e à participação de 1 músico/banda (por vezes estes são substituídos pela actuação de um comediante, o que apenas melhora ainda mais o programa do nosso ponto de vista).
Não nos lembramos de um único dia em que tenhamos visto este talkshow sem dar umas valentes gargalhadas. Em tempos de crise, em que parece que todos andam deprimidos e de mau humor, este programa é, sem dúvida alguma, uma óptima alternativa para acabar o dia de bom humor e com uma atitude mais positiva.

Nota: Em Portugal, “Conan” é transmitido durante a semana no canal Sic Radical às 21:30h.

Fiquem com um dos engraçados vídeos promocionais do programa "Conan":


segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

5

Filme: Black Swan

Um filme que vale a pena ver!


Este é um filme peculiar, que merece ser visto, nem que seja pela fenomenal interpretação de Natalie Portman que merece mais do que ninguém ganhar o Óscar de melhor actriz este ano.
A história do filme é a seguinte:

Numa companhia de dança clássica, a principal dançarina Beth MacIntire (Winona Ryder) está prestes a ser afastada por ter atingido uma idade mais "avançada". Nina (Natalie Portman) esforça-se, então, para captar a atenção do coreógrafo Thomas Leroy (Vincent Cassel - Já agora, este é o marido de Monica Bellucci) para integrar o elenco para " O lago dos Cisnes". Mas conseguirá? 
Apesar de frágil, Nina demonstra uma grande força de vontade. Mas será suficiente? 

Deixamos o trailer para vocês verem:




A nossa opinião sobre o filme é muito simples: É um filme que vale a pena ver. Em primeiro lugar, é um filme diferente, e talvez seja esta diferença que o torna num filme tão amado por tantos. Para nós foi também um filme muito parado em algumas cenas, o que contrasta com as últimas cenas do filme, durante o bailado, que tem um estilo muito frenético, onde acontecem imensas coisas ao mesmo tempo. Quanto a Natalie Portman? Esteve absolutamente soberba em muitas cenas. Por não ser uma real bailarina, a câmara, na tentativa de abafar alguns dos erros, mexe-se muito, o que torna às vezes a visão de algumas cenas um pouco difícil. Não é um filme perfeito, mas é perfeito para se ver.

Título Original: Black Swan
Ano: 2010 
Lançamento em Portugal: 3 Fevereio 2011
Realizador: Darren Aronofsky 
Cast: Nina Sayers - Natalie Portman
Lily - Mila Kunis 
Thomas Leroy - Vincent Cassel 
Erica Sayers - Barbara Hershey 
Beth Macintyre - Winona Ryder

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

4

Evento: Grammy Awards 2011



 


No passado Domingo realizou-se mais uma cerimónia dos Grammy Awards, considerados os prémios mais importantes no mundo da música. A grande vencedora da noite foi a música country (com a banda Lady Antebellum) ao passo que Eminem foi considerado um dos grandes derrotados (de um total de 10 nomeações apenas levou 2 estatuetas para casa). Mas vejamos em pormenor a lista dos principais vencedores:

Gravação do Ano: Need You Now, Lady Antebellum

Álbum do Ano: The Suburbs, Arcade Fire

Canção do Ano: Need You Now, Lady Antebellum

Melhor Artista Novo: Esperanza Spalding

Melhor Álbum Pop: The Fame Monster, Lady Gaga

Melhor Prestação Vocal Pop Feminina: Bad Romance, Lady Gaga

Melhor Prestação Vocal Pop Masculina: Just The Way You Are, Bruno Mars

Melhor Prestação Pop de Grupo: Hey, Soul Sister, Train

Melhor Álbum Electrónico: La Roux, La Roux

Melhor Gravação de Dança: Only Girl (In The World), Rihanna

Melhor Álbum Rock: The Resistance, Muse

Melhor Álbum Alternativo: Brothers, The Black Keys

Melhor Performance Rock de Grupo: Tighten Up, The Black Keys

Melhor Canção Rock: Angry World, Neil Young

Melhor Prestação Hard Rock:  New Fang, Them Crooked Vultures

Melhor Prestação Metal: EL Dorado, Iron Maiden

Melhor Álbum R&B: Raymond V Raymond, Usher

Melhor Álbum Rap: Recovery, Eminem

Melhor Prestação Rap a Solo: I'm Not Afraid, Eminem

Melhor Canção Rap: Empire State of Mind, Jay-Z & Alicia Keys

Melhor Álbum de Pop Tradicional: Crazy Love, Michael Bublé


Então? Concordam com as premiações deste ano?? Deixem-nos a vossa opinião!





domingo, 13 de fevereiro de 2011

3

Passatempo: vencedor do Passatempo do 1º Aniversário do FLAMES

Queremor agradecer a todos que participaram no nosso passatempo comemorativo do 1º aniversário do FLAMES. Contudo, como sabem, só pode haver um vencedor que ganhará o filme "O Fantasma da Ópera". 
Pois bem, o sorteio foi feito de forma completamente aleatória e, entre os 34 participantes, o vencedor foi...o Bruno Azevedo!! PARABÉNS Bruno!!! Esperamos que gostes do filme.



Obrigada a todos que participaram e continuem a visitar-nos pois nos próximos dias teremos outro passatempo!

Boa semana para todos!


quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

8

Livro: A Luz


Título Original: The Shining
Autor: Stephen King
Género: Mistério, Terror
Ano de publicação: 1977
Nº de páginas: 438



Stephen King é conhecido como o mestre do terror na literatura, contudo, até há bem pouco tempo para nós, não passava disso mesmo, de um nome. No entanto, após ler pela primeira vez uma obra sua ficámos rendidas à sua genialidade.

Já conhecíamos a história de “A Luz” por causa do famoso filme, com o mesmo nome, de 1980 mas como sabemos que, por norma, o livro é sempre muito melhor que o filme decidimos ler a obra.
Em “A Luz” acompanhamos Jack Torrence que, após uma vida de percalços e desventuras, decide aceitar um emprego como zelador de um famoso hotel – o Overlook – durante o Inverno, altura em que o hotel está encerrado pois os grandes nevões de que é alvo isolam-no completamente do resto do mundo nessa altura do ano. Jack não vai sozinho pois leva consigo a sua mulher Wendy e o seu filho de 5 anos, Danny, um menino com um dom muito especial.
Jack sabe que este não é o emprego dos seus sonhos mas as dificuldades levam-no aceitar esta proposta, mesmo após ser informado de que um anterior zelador do hotel num determinado Inverno terá misteriosamente enlouquecido e morto toda a sua família, suicidando-se de seguida. Mas com Jack nada disso acontecerá, certo? Afinal, o hotel pode possuir características especiais que lhe conferem vida própria, podem surgir alguns fantasmas durante a sua estadia, os arbustos do jardim podem começar misteriosamente a mexer-se e o isolamento total do resto da civilização pode ser assustador…mas com Jack e a sua família será diferente…certo??

Aconselhamos todos a ler este livro. Mesmo para quem já tenha visto o filme vale a pena pois com o livro conseguimos perceber certos pormenores que as limitações de tempo do filme não permitiram explicar. Para além do mais, o filme e o livro têm finais diferentes e, só por isso, já vale a pena ficar a conhecer esta obra.
Gostámos muito da escrita de Stephen King: simples, fluida, sem floreados e, de certa forma, original (principalmente pela forma como consegue combinar os pensamentos dos personagens com os seus diálogos). O livro está longe de ser muito assustador mas, sem dúvida, que conseguiu cativar a nossa atenção da primeira à última página. Uma obra a não perder!!

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

5

Filme: Precious


País: U.S.A
Ano: 2009
Duração: 110 minutos
Direcção: Lee Daniels
Produção: Lee Daniels, Oprah Winfrey, Tom Heller e Tyler Perry

Cast:
Gabourey Sidibe
Paula Patton
Mariah Carey
Lenny Kravitz
Mo'Nique

Género: drama

Lançamento em Potugal: 11 de Fevereiro de 2010


Talvez devessemos ter postado antes este filme, mas a verdade é que queríamos que passasse a azáfama do filme (isto é, aquela altura em que só se pode dizer bem dele, ehehe) para podermos dar livremente a nossa opinião.
No geral, não gostámos do filme porque apresenta uma realidade já muito conhecida (felizmente) pelo que o filme nos pareceu "mais do mesmo". Agora é claro que tem pontos muito positivos. Alguns dos diálogos são muito bonitos, e o cast portou-se lindamente! De destacar a fantástica interpretação de Mo'Nique.
Agora, ficar-nos-á sempre uma dúvida na cabeça: teria o filme tido todo o sucesso que teve se não fosse a incansável publicidade de Oprah? A temática é extremamente importante, é verdade, mas não terá já sido demasiado debatida? Fica a questão em aberto.
Relativamente à História:

Relata a vida de Claireece Precious Jones (Gabourey Sidibe), uma analfabeta afro-americana de 16 anos (o filme passa-se em 1987) que mora com a mãe Mary (Mo'Nique) que a maltrata fisica, psicológica e sexualmente. Precious já tem dois filhos do próprio pai, Carl.
Ao longo do filme contamos ainda com a presença de uma assistente social (com um pouco a mania que é Psicóloga) interpretada por Mariah Carey, uma professora Paula Patton e um enfermeiro Lenny Kravitz.


Na 82º Academy Awards, Mo'Nique saiu vencedora na categoria de Melhor Atriz secundária (apesar de terem havido outras nomeações). Mo'Nique venceu ainda no 16º Screen Actors Guild Awards na categoria de Melhor Atriz Secundária.

Aqui fica o trailer, e não se esqueçam de nos dar a vossa opinião.


quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

8

Anime: Fullmetal Alchemist Brotherhood


Ano: 2009
Género: aventura, fantasia, acção
Nº episódios: 64
Autor: Yasuhiro Irie


"Nada pode ser obtido sem uma espécie de sacrifício. É preciso oferecer em troca algo de valor equivalente. Esse é o princípio básico da Alquimia, a Lei Da Troca Equivalente. Naquela época, nós acreditávamos que essa lei fosse absoluta..." (Alphonse Elric)

 

Se todos os animes fossem como Fullmetal Alchemist Brotherhood não faríamos outra coisa a não ser assistir a episódios atrás de episódios. Este anime é simplesmente FANTÁSTICO!!

A história (que decorre em finais do séc. XIX e inícios do séc. XX) apresenta-nos um mundo não muito diferente daquele em que vivemos com uma excepção: nesse mundo, a alquimia existe e realmente funciona! Aí conhecemos o jovem alquimista Edward Elric (conhecido por fullmetal alchemist fruto das suas características distintas: tem um braço e uma perna de metal) e o seu irmão Alphonse Elric em busca da pedra filosofal. Conta a lenda que essa pedra, a existir, poderá aumentar exponencialmente os poderes de um alquimista tornando-o, praticamente, invencível. Contudo, os dois irmãos não imaginam o que lhes vai acontecer quando, de forma involuntária, se vêem envolvidos numa conspiração à escala mundial, durante a qual vão finalmente descobrir o que aconteceu ao seu pai misteriosamente desaparecido, vão lutar pelas suas vidas e vão impedir que o mundo, tal como o conhecemos, desapareça para sempre.

Recomendamos este anime a TODA a gente, fãs ou não deste tipo de animação pois ainda não conhecemos ninguém que não tenham simplesmente adorado esta história. Não é por acaso que este é considerado um dos melhores animes de sempre. O desenho está fenomenal, uma banda sonora fantástica, personagens misteriosas, interessantes e que nos surpreendem ao longo da série, uma história brilhante com uma complexidade admirável que nos prende até ao fim. De 0 a 10 este anime leva um 20!

Podem ver todo o anime com legendas em português no canal oficial no youtube no seguinte link:
http://www.youtube.com/user/FMABrotherhood

 
Nota: Não confundam Fullmetal Alchemist Brotherhood com Fullmetal Alchemist pois este segundo, apesar de também ser muito interessante, é um anime que começou a ser feito a par do manga e que, por causa disso, acabou por desviar-se da história original a determinada altura a partir do momento em que alcançou a história do manga.

Aqui fica um trailer feito por um fâ da série:



Ainda têm algum tempo para participarem no PASSATEMPO. É só clicarem aqui. Boa sorte!
Ocorreu um erro neste dispositivo

1%

1%